fbpx
Fala-se das cidades como quem fala do tempo: com a mesma intensidade, o mesmo hábito. A mesma urgência e cada vez mais com a mesma imprevisibilidade. O mundo de outrora – governado através das diplomacias e dos orçamentos das nações – é agora sobreposto por uma rede de redes. Citadinas, complexas e urbanas. O mundo é das cidades.
As cidades falam entre si, competem, chamam para si os diversos capitais e recursos de que necessitam para evoluir: as pessoas e o conhecimento, a participação e as parcerias, os valores e culturas e o investimento com que se constrói a identidade – e a marca de um mundo urbano.

As nossas cidades crescem connosco, são testemunhas e parceiras do quotidiano. Têm personalidade, emoções, súbitas mudanças de humor e de tom de voz. Não são perfeitas, longe disso. Dependem de um esforço comum para que a sua promessa se cumpra para todos os que as habitam.

 

Pensar o futuro das nossas cidades é assumir a liderança nas áreas mais importantes e influentes das sociedades humanas.

Discutir o futuro das nossas cidades é encontrar outras vozes, outras ideias – e com elas aprender e encontrar as melhores soluções.

Agir para a construção de um futuro melhor nas nossas cidades é um investimento sério e de longo prazo na sustentabilidade do sector imobiliário. É através de acções úteis, inovadoras e consequentes nas áreas definidas que o Grupo Latina fortalece a sua influência e garante o seu papel no planeamento e desenvolvimento urbano.
É neste espaço partilhado – de projectos, de discussão, de futuro – que a mediação imobiliária tem um papel fundamental e responsável.

 

As cidades do futuro são nossas – para pensar, discutir e cuidar.
O Grupo Latina é um parceiro de confiança.